Da antipolítica ao acontecimento: o anarquismo dos corpos acontecimentais

José Luiz Aidar Prado

Resumo


O acontecimento, que rompe com a ordem estabelecida, com os estados de coisas com representações estáveis, só pode surgir a partir de uma visão pós fundacional de política,  em que esta não é gestão condominial dos seres a partir dos biopoderes midiatizados, mas surgimento da voz dos que não tem voz, do povo a partir das demandas diferenciais que de início não dialogavam. A teoria materialista da comunicação é aqui pensada a partir de um antagonismo de base, de uma negatividade da ordem pulsional que circula em um campo tensivo a partir do qual as partes buscam performativamente, na luta pelo reconhecimento (Honneth) e pela visibilidade, a emergência de acontecimentos disruptivos (Badiou).  Em termos de uma lógica dos afetos ou das paixões o caminho da política se faz do medo para a alegria, da retenção à libertação/emancipação. Nesta direção é que pensaremos a comunicação entendida como campo tensivo de emergência da política acontecimental.

Palavras-chave


tensividade; acontecimento; política; afetos.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


BADIOU, A. Philosophy for militants. London: Verso, 2012.

__________. Lógicas de los mundos. Buenos Aires: Manantial, 2008

BOLTANSKI, L.; CHIAPELO, E. O novo espírito do capitalismo. São Paulo: Martins Fontes, 2009.

BUTLER, J. Bodies in alliance and the politics of the street. Disponível em http://eipcp.net/transversal/1011/butler/en, 2011

BUTLER, J.; SALIH, S. The Judith Butler Reader. Oxford: Blackwell, 2004.

DARDOT, P. e LAVAL, C. A nova razão do mundo. Ensaio sobre a sociedade neoliberal. São Paulo: Boitempo, 2016.

DUNKER, C. I. L. Mal-estar, sofrimento e sintoma. São Paulo: Boitempo, 2015.

FOUCAULT, M. História da sexualidade. Vol. 2 O uso dos prazeres. São Paulo: Graal, 2009.

_____________. Nascimento da biopolítica. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

FRASER, N.; HONNETH, A. Redistribuición o reconocimiento? Madri: Morata/Paideia, 2006.

FREIRE FILHO, J. Ser feliz hoje. Rio de Janeiro: Globo Universidade?FGV, 2010.

GRAEBER, D. Um projeto de democracia. São Paulo: Paz & Terra, 2015.

HONNETH, A. La sociedade del desprecio. Madrid: Trotta, 2011.

____________. Luta por reconhecimento. São Paulo: 34, 2003.

LACLAU, E. A razão populista. São Paulo: Três Estrelas, 2013.

LACLAU, E.; MOUFFE, C. Hegemonia e estratégia socialista. São Paulo: Intermeios, 2015.

PRADO, J. L. A. Comunicação e reinvenção acontecimental da política. In: JESUS, E.; TRINDADE, E.; JANOTTI JR., J.; ROXO, M. (Org.). Reinvenção comunicacional da política. Salvador: Edufba, pp. 15-30, 2016a.

______________. Da convocação da alma gêmea ao acontecimento amoroso. In: PINHEIRO, A; SALLES, C. (Org.). Jornalismo expandido: práticas, sujeitos e relatos entrelaçados. São Paulo: Intermeios, pp. 127-145, 2016b.

______________. A política do performativo em Butler. In: GREINER, C. (Org.). Leituras de Judith Butler. São Paulo: Annablume, pp. 15-35, 2016c.

______________. Comunicação como epistemologia do sul: do reconhecimento à emergência do acontecimento. Matrizes (Online), v. 9, p. 109-125, 2015.

______________. Política do acontecimento. Revista FAMECOS (Online), v. 20, pp. 495-520, 2013.

PRADO, J.L.A.; PRATES, V. O afastamento de Dilma Roussef: afetos e discursos em disputa na política. Texto apresentado à Compós, 2017 (prelo).

RANCIÈRE, J. O desentendimento. São Paulo: 34,1996.

SAFATLE, V. O circuito dos afetos. São Paulo: Cosac Naify, 2015.

___________. Cinismo e falência da crítica. São Paulo: Boitempo, 2008.

VIVEIROS DE CASTRO, E. A inconstância da alma selvagem e outros ensaios. São Paulo: Cosac Naify, 2002.




DOI: http://dx.doi.org/10.18568/cmc.v14i39.1318

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Comunicação Mídia e Consumo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Diretórios e Indexadores: REVCOM l UNIVERCIENCIA l Sumários.org l LIVRE l Latindex l EBSCO l CENGAGE Learning l DOAJ l IBICT/SEER l Portal de Periódicos da CAPES l Diadorim  | 

Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP

CEP: 04018-010 - e-mail: revistacmc@espm.br