Rever Senna: da morte de um ídolo à construção do herói contemporâneo

Sandra Maria Lucia Pereira Gonçalves

Resumo


A morte de Ayrton Senna, piloto da Fórmula I, morto em 1994,  é o ponto de partida para se pensar questões concernentes à contemporaneidade. Para o desenvolvimento desse artigo, são utilizadas as seguintes categorias - sociedade midiatizada, velocidade, mito e herói, narcisismo e morte. Essas categorias irão compor o cenário do ídolo. As fontes utilizadas como amostragem para a observação do tratamento dos media sobre este acontecimento são jornais e revistas especiais sobre televisão, assim como artigos de jornais decorrentes da morte de Senna. Diferentes autores comparecem na construção do quadro a ser exposto.

Palavras-chave


Ayrton Senna; Herói e mito contemporâneo; Media; Morte.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18568/cmc.v9i24.256

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Comunicação Mídia e Consumo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Diretórios e Indexadores: SCOPUS lREVCOM l UNIVERCIENCIA l Sumários.org l LIVRE l Latindex l EBSCO l CENGAGE Learning l DOAJ l IBICT/SEER l Portal de Periódicos da CAPES l Diadorim  |  

Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP

CEP: 04018-010 - e-mail: revistacmc@espm.br