A religião dos celulares: consumo de tecnologia como expressão de fé entre evangélicos e umbandistas

Sandra Rubia da Silva

Resumo


Ao longo de onze meses de trabalho de campo em um bairro de camadas populares em Florianópolis, pude constatar importantes conexões entre o consumo de telefones celulares e a vivência da religiosidade entre evangélicos e umbandistas. Neste artigo, exploro as maneiras pelas quais os telefones celulares estão presentes no discurso e nas práticas religiosas desses dois grupos, percebendo o celular tanto como mediador positivo quanto negativo. A partir da análise do material etnográfico, argumento que a associação entre  religião e uso de telefones celulares, além de aliviar a experiência da pobreza, traz renovadas possibilidades de expressão da identidade religiosa. Sugiro também que a dimensão política está presente, na medida em que suas funcionalidades – em especial o bluetooth e o SMS -  auxiliam na disseminação do discurso religioso e na obtenção de novos adeptos.


Palavras-chave


Telefones celulares; Bluetooth; Consumo; Evangélicos; Umbanda

Referências


APPADURAI, A. Introduction: commodities and the politics of value. In; APPADURAI, A. The social life of things: commodities in cultural perspective. Cambridge: Cambridge University Press, 1986.

APPADURAI, A. Modernity at Large: cultural dimensions of globalization. Minessota: Minessota University Press, 1998.

BARZILAI-NAHON, K.; BARZILAI, G. Cultured technology: Internet and religious fundamentalism. Information Society, v. 21, n. 1, p. 25-40, 2005.

CAMPBELL, H. Texting the faith: religious users and cell phone culture. In: KAVOORI, A.; ARCENEAUX, N. (Orgs.). The cell phone reader: essays in social transformation. Nova York: Peter Lang Publishing, 2006.

MARIANO, R. Neopentecostais: sociologia do novo pentecostalismo no Brasil. São Paulo: Loyola, 1999.

MARIZ, C. L. Coping with poverty: pentecostals and christian base communities in Brazil. Filadélfia: Temple University Press, 1994.

MILLER, D. Consumption as the vanguard of history: a polemic by way of an introduction. In: MILLER, D. Acknowledging Consumption (A Review of New Studies). Londres: Nova York: Routledge, 1995.

MILLER, D. Material culture and mass consumption. Oxford: Basil Blackwell, 1987.

MILLER, D.; HORST, H. The Cell Phone: an Anthropology of Communication. Oxford; Berg, 2006.

PRANDI, R. Segredos guardados: orixás na alma brasileira. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.

SILVA, V. G. Orixás da metrópole. Petrópolis, RJ: Vozes, 1995.

SILVA, S. R. Vivendo com celulares: identidade, corpo e sociabilidade nas culturas urbanas. In: BORELLI, S.; FREIRE FILHO, J. (orgs.). Culturas juvenis no século XXI. São Paulo: EDUC, 2008.




DOI: http://dx.doi.org/10.18568/cmc.v12i35.1048

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Comunicação Mídia e Consumo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Diretórios e Indexadores: REVCOM l UNIVERCIENCIA l Sumários.org l LIVRE l Latindex l EBSCO l CENGAGE Learning l DOAJ l IBICT/SEER l Portal de Periódicos da CAPES l Diadorim  | 

Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP

CEP: 04018-010 - e-mail: revistacmc@espm.br