Cognição integrada, encadeada e distribuída: breve discussão dos modelos cognitivos na cibercultura

Fátima Regis, Raquel Timponi, Alessandra Maia

Resumo


Recentemente ressurge o interesse sobre o papel dos processos cognitivos na cibercultura. Os estudos sobre as transformações nos sistemas de mídias apontam que práticas comunicativas e de entretenimento demandam o uso de diversas habilidades de caráter cognitivo. O objetivo é contribuir com esses estudos, elaborando um mapeamento de três modelos cognitivos contemporâneos, capaz de embasar as práticas de comunicação da cibercultura: cognição integrada, cognição encadeada e cognição distribuída

Palavras-chave


Modelos cognitivos; Atenção; Práticas de comunicação

Texto completo:

PORT PDF / ESP PDF / ING PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18568/cmc.v9i26.346

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Comunicação Mídia e Consumo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Diretórios e Indexadores: REVCOM l UNIVERCIENCIA l Sumários.org l LIVRE l Latindex l EBSCO l CENGAGE Learning l DOAJ l IBICT/SEER l Portal de Periódicos da CAPES l Diadorim  | 

Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP

CEP: 04018-010 - e-mail: revistacmc@espm.br