Maria Aparecida Baccega: a palavra e o ato

Adilson Odair Citelli

Resumo


Este artigo tem o propósito de apresentar aspectos da trajetória pessoal, acadêmica, profissional de Maria Aparecida Baccega. Busca-se indicar algumas linhas de força que compuseram o quadro teórico e de influências no interior do qual a docente efetivou as suas investigações e escreveu significativo número de obras. Destaca-se neste conjunto reflexivo a presença de certa tradição teórica advinda do marxismo e como aparece ele desdobrado em temas que alcançam os estudos de linguagem, a análise discursiva, os vínculos ficção-história, as incursões no terreno da comunicação, da comunicação e educação, da telenovela, do consumo. Conclui-se evidenciando o caráter inovador levado a termo pelo trabalho da professora no campo da pesquisa e do magistério.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18568/cmc.v17i50.2405

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Comunicação Mídia e Consumo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Diretórios e Indexadores: SCOPUS lREVCOM l UNIVERCIENCIA l Sumários.org l LIVRE l Latindex l EBSCO l CENGAGE Learning l DOAJ l IBICT/SEER l Portal de Periódicos da CAPES l Diadorim  |  

Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP

CEP: 04018-010 - e-mail: revistacmc@espm.br