Por uma etnografia das práticas de consumo

Valéria Brandini

Resumo


Este artigo sugere uma reflexão teórica acerca da etnografia como método para pesquisas de consumo e desenvolvimento de estratégias de produção de bens. O universo do consumo, e, em especial, do consumo de moda, representa hoje um sistema de produção de significações (como quer
Jean Baudrillard) e comportamentos gerados pela racionalidade econômica (como vemos em Pierre Bourdieu) que são evidenciados por meio do mercado como processo ritual. Assim, a etnografia do consumo e a antropologia
empresarial podem ser vistas como estratégia para empresas.
Palavras-chave: Consumo; etnografia; comunicação.
ABSTRACT
This article suggests a theoretical reflection about ethnography as a method for research on consumption and the development of strategies of goods production. The universe of consumption, and, specially, fashion
consumption, represents nowadays a system of significations (as said by Jean Baudrillard) and behavior generated by the economic rationality (as we have seen in Pierre Bourdieu) that are evidentiated by the market as a ritual process. So, ethnography of consumption, and anthropology
of business can be seen as business strategies.
Keywords: Consumption; ethnography; communication.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18568/cmc.v3i9.94

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Comunicação Mídia e Consumo está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Diretórios e Indexadores: REVCOM l UNIVERCIENCIA l Sumários.org l LIVRE l Latindex l EBSCO l CENGAGE Learning l DOAJ l IBICT/SEER l Portal de Periódicos da CAPES l Diadorim  | 

Rua: Dr. Álvaro Alvim, 123 - Vila Mariana - São Paulo - SP

CEP: 04018-010 - e-mail: revistacmc@espm.br